O que fazemos, quem somos

report grandine

Somos um Centro de Meteorologia e Climatologia que desenvolve a sua atividade em estreita colaboração com Empresas parceiras.

 Entre as nossas atividades desenvolvemos também  pesquisas sobre queda de granizo.

Estudamos as bolas de granizo desde a sua origem até à sua queda no solo. Mais especificamente, analisamos as probabilidades da ocorrência de uma saraivada e depois onde esta ocorreu.

A previsão de onde pode ocorrer uma saraivada é muito útil em vários âmbitos: desde o agrícola ao dos seguros com vista à prevenção dos danos.

Saber onde ocorreu uma saraivada é um serviço utilíssimo para as empresas que se ocupam da reparação dos danos causados pela queda e granizo.

Constatámos que em todo o Mundo, as notícias sobre onde ocorreu uma saraivada são particularmente úteis para as Empresas que reparam os automóveis danificados pela queda de granizo (Bate-chapas).

Desde 2000 que sou o nosso responsável pelo projeto de pesquisa, elaboro os famosos Relatórios Granizo e sou o chefe da equipa que se ocupa das pesquisas de estudo e das pesquisas sobre queda de granizo.

O Relatório Granizo para os bate-chapas, o que é? É um noticiário que indica as áreas onde caiu granizo, com frequentes informações sobre as dimensões das bolas de granizo que caíram.

As bolas de granizo que alcançam o solo, depois da sua queda alteram-se rapidamente, sobretudo mediante fusão. Esta é acelerada pela chuva que se sucede à saraivada.

A dimensão das bolas que vem indicada no Relatório Grandine é fruto de uma estimativa científica.

No Relatório Granizo monitorizamos as bolas de granizo com dimensões superiores a 2 cm de diâmetro, e os danos que podem causar, como bolas, à carroçaria dos automóveis.

O Relatório Granizo é enviado por correio eletrónico aos subscritores, enquanto os eventos de queda de granizo mais significativos são comunicados por SMS.

Está interessado nos nossos serviços? Pode contactar-me diretamente escrevendo no idioma deste website. Peço-lhe que indique sempre a área geográfica que pretende no que respeita ao Relatório Granizo, para além do idioma.

Pode escrever-me através do nosso campo de formulário ou enviando-me um e-mail para andrea@grandine.eu. Responder-lhe-ei dentro de 24 horas.